Consumo de combustíveis crescerá 20% até 2026, prevê a ANP

Consumo de combustíveis crescerá 20% até 2026, prevê a ANP

wdcom    terça-feira, 28 novembro 2017

A Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP) divulga publicação na qual aponta oportunidades na produção de combustíveis. Etanol e biodiesel também são foco do livreto recém-divulgado.

Conforme a ANP, a ampliação na oferta de biocombustíveis é necessária para atender ao aumento da demanda por combustíveis. Esse aumento ocorrerá independente dos compromissos assumidos pelo Brasil na Cop 21, que assume maior participação de renováveis e menor participação de combustíveis fósseis.

A publicação relata, por exemplo, que a demanda por combustíveis crescerá 20% até 2026. Esse avanço inclui os combustíveis do ciclo Otto, o que inclui a atual adição de 27% de etanol anidro à gasolina.

Capturar1

 

Incentivo

Mas, como informa a ANP, o programa “RenovaBio busca incentivar novos investimentos para expandir a produção de biocombustíveis no Brasil, apoiar o processo de redução das emissões de gases do efeito estufa e elevar a participação da bioenergia na matriz energética até 2030, conforme metas firmadas na COP 21, em Paris.”

As ações do Programa promoverão oportunidades de investimentos na produção de etanol e biodiesel, além de outros renováveis como o bioquerosene e o biometano.

 

FONTE: Jornal da Cana